1. Home
  2. /
  3. E-Commerce
  4. /
  5. 7 dicas para começar...

7 dicas para começar a vender na Internet

Com o passar o tempo a loja virtual vem crescendo e ganhando espaço, pois é a forma mais segura e lucrativa de se trabalhar, hoje em dia não há necessidade de ter uma porta aberta, apenas um espaço em uma sala ou um quarto para começar a vender seus produtos. Veja abaixo 7 dicas para abrir seu negócio e começar a vender na Internet.

Tipo de Produto
Para abrir sua loja virtual é necessário saber o tipo de produto que irá vender, por isso antes de abrir seu MEI ou outro tipo de empresa analise qual o tipo de produto que irá vender e se esse produto será comprado pelo seus cliente.

Não recomendamos abrir uma empresa pensando em vender diversos produtos ao mesmo tempo, pois você teria que gastar mais de 500 mil reais em estoque, o que não é uma boa ideia para quem está começando um negócio. Por isso estude o mercado.

Caso você mesmo fabrique seus produtos, você já sabe qual é o seu publico alvo, nesse caso veja se terá estoque suficiente para começar seu negócio online, caso seja produtos exclusivos, ou seja, que não tem vários no estoque apenas um para venda de cada produto é necessário ter muitos produtos antes de abrir sua loja virtual.

Legalize seu negócio
Legalize seu negócio abrindo um MEI (Micro Empreendedor Individual), abrir um MEI é um processo simples em relação a outros tipos de empresa. Lembrando que é necessário verificar se o tipo de produto que quer vender entra na categoria do MEI, por isso recomendamos verificar essas informações no Portal Empreendedor Individual, entrar em contato com o SEBRAE ou consultar com um contador de sua preferência.

Para que sua loja virtual entre em funcionamento é necessário solicitar um alvará de funcionamento, esse processo pode ser um pouco demorado então ter um contador que possa lhe orientar nesse processo é o mais recomendado. Lembrando que você receberá um alvará provisório para que possa começar a trabalhar.

Nota Fiscal Eletrônica
A NF-e não é obrigatória pra vendas para pessoa física no caso do MEI, ficando obrigatória somente pra vendas para pessoa jurídica, dessa forma você poderá começar a trabalhar sem a necessidade de gastar um valor alto em um certificado de nota fiscal.

Caso for adquirir um certificado por questão de segurança recomendamos adquirir o Certificado NF-e A1, pois o mesmo dará acesso apenas a parte de emitir a nota fiscal eletrônica, ideal para utilizar em sistemas online para emitir nota fiscal eletrônica. O Certificado e-CNPJ dará acesso a outras informações, podendo até realizar alterações em sua empresa, esse tipo de certificado não é recomendado utilizar em sistemas online. Por isso para emissão de nota fiscal escolha o NF-e que além de mais barato é mais seguro para esse tipo de serviço.

Plataforma de Ecommerce
Após estudar o tipo de produto que será vendido e legalizar sua empresa é hora de escolher a plataforma que será utilizada para começar a vender seus produtos na Internet.

Hoje em dia existem diversas plataformas de ecommerce para você começar sua loja virtual, por isso hoje iremos falar sobre 3 plataformas de ecommerce opensources, ou seja, de código aberto.

  1. WooCommerce: uma plataforma completa para venda de produtos na Internet, recursos como controle de estoque, integrado com diversas formas de pagamento. O WooCommerce é um plugin para transformar o WordPress em um sistema de loja virtual, por isso o mesmo possui diversos outros plugins para integração com outros sistemas de pagamento como PayPal, PagSeguro, Visa, Mastercard, boleto bancário, entre outros… Também é possível integrar com sistemas de transportadora e realizar calculo de frete dos Correios. Com essa plataforma você também pode realizar venda de produtos virtuais e para download. O WooCommerce é uma das plataformas mais completa opensources que existem atualmente, por isso está em nossa primeira posição.
    Você também pode encontrar templates gratuitos e pagos dessa forma personalizando ainda mais sua loja virtual.
  2. PrestaShop: uma plataforma com recursos para venda de produtos, integrado com diversas formas de pagamento, o mesmo possui também plugins que podem ser utilizados para personalizar o sistema, como também integrar a outras formas de pagamento, calculo de frete e integração com sistemas de transportadora. O PrestaShop é um sistema opensource e possui também templates gratuitos e pagos dessa forma personalizando ainda mais sua loja virtual. O PrestaShop possui alguns recursos que podem ser necessário a modificação diretamente no código fonte e requer conhecimento de programação PHP.
  3. Magento: uma plataforma completa com recursos para venda de produtos, integrado com diversas formas de pagamento, integrado também com sistemas de calculo de frete e transportadora. Com essa plataforma você também poderá personalizar suas configurações e instalar plugins de sua preferência para complementa-lo.
    Você também pode encontrar templates gratuitos e pagos dessa forma personalizando ainda mais sua loja virtual. Porém o Magento é um pouco complicado para configura-lo, é necessário também um treinamento para que possa aproveitar todos os recursos da plataforma. Além disso esse tipo requer um servidor Cloud e Dedicado para que funcione sem problemas, já que a plataforma é um pouco pesada para servidores compartilhados e VPS com configurações básicas.

Plataforma de Blog
Além da loja virtual é importante que você tenha um blog para divulgar novidades e promoções de sua loja virtual, por isso caso tenha escolhido a plataforma WooCommerce para criar sua loja virtual, você também poderá criar seu blog utilizando o WordPress, como falamos anteriormente o WooCommerce é um plugin que transforma o WordPress em uma loja virtual, mais você também pode utilizar na mesma instalação o sistema de blog.

Caso você tenha escolhido outra plataforma ou mesmo que tenha escolhido o WooCommerce mais quer criar um blog em um subdomínio, por exemplo: blog.enderecodoseusite.com.br, você também pode utilizar o WordPress para a criação de seu blog. Será necessário apenas realizar uma nova instalação do WordPress nessa pasta blog e pronto!

Com o WordPress você poderá personalizar seu blog como desejar, adicionando mais recursos através do plugin, baixar e instalar templates gratuitos ou comprar um pago e alterando diversas outras configurações no seu blog.

Após criar seu blog comece publicando novidades e promoções de seus produtos, você também pode falar um pouco mais sobre cada produto que está vendendo incluindo dicas e tutoriais, sempre adicionando um botão de compra para o produto que está falando no artigo.

Conheça nossos planos para Hospedagem WordPress, clique aqui

SEO
Apesar de tudo isso você também precisa pensar no SEO (Search Engine Optimization), por isso o código fonte de sua loja virtual e blog precisam estar bem otimizados, compactados e fácil de serem lidos pelo mecanismos de pesquisa. Lembrando que o SEO vai muito além de somente verificar o código fonte, pois é necessário analisar a estrutura de seu template, plugins utilizados, entre outros. Caso não tenha conhecimento técnico você poderá contratar um profissional que trabalhe nessa área para lhe orientar.

Conheça nosso serviço de consultoria, entre em contato conosco para maiores informações, clique aqui

Divulgação de sua loja virtual
Agora com sua loja virtual pronta você poderá começar a divulgar seus produtos nas redes sociais como Facebook, Twitter, Google Plus, Youtube, Vimeo, entre outros. Além das postagens é ideal também produzir vídeos com dicas ou apenas mostrando o produto que você vende. Lembre-se de sempre disponibilizar um link para que o usuário acesse o produto diretamente de sua loja virtual para que o mesmo possa realizar a compra sem a necessidade de ficar procurando o produto em toda sua loja virtual.

Também realize a indexação de sua loja virtual nos mecanismos de pesquisa, para maiores informações solicite uma consultoria para nosso suporte.

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

Notificar a cada
avatar
wpDiscuz